Residência Médica em Neurocirurgia: rotina, remuneração, estudos e mais!

Residência Médica em Neurocirurgia: rotina, remuneração, estudos e mais!

Área médica muito famosa em séries americanas, porém pouco discutida no dia a dia – essa é a Neurocirurgia. Todos nós sabemos que ela existe e temos uma noção básica do que é, mas por acaso, você sabe sobre suas características? Se quer ficar a par de tudo que abrange essa especialidade, confira esse artigo do Estratégia MED!

Sistema Nervoso

O Sistema Nervoso é o sistema responsável pela rede de comunicações do organismo. Ele capta, interpreta e gera respostas perante os estímulos que sofremos. Essas respostas são manifestadas por meio de movimentos, sensações e constatações. 

O Sistema Nervoso é dividido em duas partes: o Sistema Nervoso Central (SNC) e o Sistema Nervoso Periférico (SNP).

Inscreva-se em nossa newsletter!

Receba notícias sobre residência médica e revalidação de diplomas, além de materiais de estudo gratuitos e informações relevantes do mundo da Medicina.

Sistema Nervoso Central

Parte responsável por garantir a recepção e a interpretação dos estímulos, o SNC é formado pelo Encéfalo e a Medula Espinhal, que são envolvidos por três membranas, as meninges

  • Encéfalo – composto por três órgãos principais: 
    • Cérebro: órgão mais importante e volumoso do sistema nervoso, é dividido em dois hemisférios, o esquerdo e o direito. Sua função é garantir as atividades motoras, memória, inteligência, a emoção e a razão do indivíduo;
    • Cerebelo: é o responsável por coordenar os movimentos do corpo humano e manter seu equilíbrio; e
    • Tronco Encefálico: além de conduzir os impulsos nervosos do cérebro para a medula espinhal, também é responsável por produzir os estímulos nervosos como movimentos respiratórios, batimentos cardíacos e reflexos.
  • Medula Espinhal – também conhecida como Medula Espinal, é uma estrutura de formato cilíndrico, que fica no interior da coluna vertebral. Ela é a responsável por levar os impulsos nervosos do corpo inteiro para o cérebro e cuidar dos atos involuntários, os reflexos.

Sistema Nervoso Periférico

Responsável por conectar o Sistema Nervoso ao resto do corpo e assim certificar a transmissão das informações. O SNP é formado por nervos, gânglios e terminações nervosas e ainda pode ser dividido em dois:

  • Sistema Nervoso Somático – ele coordena as nossas ações voluntárias, ou seja, aquelas que correspondem a nossa vontade; e
  • Sistema Nervoso Autônomoregula algumas de nossas funções involuntárias, como as do nosso sistema respiratório, digestório e cardiovascular. Ele também é dividido em duas partes opostas:
    • Parte Simpática: estimula o funcionamento dos órgãos, principalmente em situações de estresse, ansiedade e medo;
    • Parte Parassimpática: seu funcionamento é o contrário da parte Simpática. O Parassimpático relaxa e inibe o funcionamento dos órgãos.

A Neurocirurgia e o Neurocirurgião

Agora que você já sabe um pouco mais sobre a área que a Neurocirurgia estuda, vamos falar sobre a profissão em si. A Neurocirurgia é uma especialidade cirúrgica da medicina que se dedica a pesquisar, diagnosticar e tratar de doenças que acometem o Sistema Nervoso e, por consequência o corpo humano inteiro. 

A diferença da Neurocirurgia para a Neurologia é a questão da intervenção cirúrgica. Mas, não se esqueça que essas especialidades se completam. Os profissionais dessa área podem atuar em ambulatórios, plantões de emergência, cirurgias eletivas e em hospitais públicos e privados.

Uma das principais características dessa profissão é a ausência de uma rotina fixa, já que suas atividades variam de acordo com o local de trabalho e da área de atuação. Porém, existem alguns procedimentos mais comuns realizados por Neurocirurgiões que estão trabalhando nas unidades de emergência. Confira:

  • Derivação ventricular externa;
  • Drenagem de hematomas;
  • Implante de cateter para monitorização da pressão intracraniana; e
  • Tratamento cirúrgico de afundamento.

Todas essas atividades estão relacionadas ao Traumatismo Craniano.

A Neurocirurgia e o Neurocirurgião

Doenças tratadas pela Neurocirurgia

Confira abaixo algumas das patologias tratadas por Neurocirurgiões:

  • Aneurisma intracraniano;
  • Doenças degenerativas do disco intervertebral;
  • Doenças da coluna cervical;
  • Dor crônica;
  • Epilepsia;
  • Espinha bífida;
  • Hérnia de disco;
  • Hidrocefalia;
  • Lesão da medula espinhal; e
  • Trauma de crânio.

Áreas de Atuação

Após terminar sua Residência Médica de cinco anos, o Neurocirurgião ainda pode escolher uma subespecialidade para seguir. Confira algumas delas:

  • Base do crânio;
  • Coluna vertebral;
  • Endovascular;
  • Funcional e dor;
  • Nervos periféricos;
  • Oncológica;
  • Pediátrica;
  • Trauma e terapia intensiva; e
  • Vascular.

Quanto ganha um Neurocirurgião

Segundo o site Salário, um médico Neurocirurgião, no Brasil, ganha em média R$ 7.161,58. É importante ter em mente que esse valor pode mudar de acordo com o nível de formação do profissional, o quanto ele é necessário no local e também em que região do país ele trabalha.

Especialistas no Brasil

A Demografia Médica de 2020 feita pela USP, aponta que no Brasil existem 3.682 médicos especializados em Neurocirurgia. Desse número, 8,5% são mulheres e 91,5% são homens, com idade média de 49,4 anos.

O estudo também traz a distribuição desses profissionais entre as regiões do país. Confira:

RegiõesDistribuição
Norte  5,2%
Nordeste15,4%
Sudeste54,6%
Sul16,1%
Centro-Oeste  8,7%

Muitos desses profissionais, de todo país associam-se à Sociedade Brasileira de Neurocirurgia e participam de seus eventos. 

Sociedade Brasileira de Neurocirurgia

Conhecida como uma instituição de referência, a Sociedade Brasileira de Neurocirurgia (SBN) foi fundada em 1957. Além de debater assuntos pertinentes sobre o mundo da Neurocirurgia – como as atualizações científicas e promover os direitos de seus profissionais -, a SBN é reconhecida como uma das cinco melhores sociedades de Neurocirurgia do mundo pela “World Federation of Neurosurgery” (Federação Mundial de Neurocirurgia).

O estudo por questões

Está estudando para os próximos processos seletivos de Residência Médica ou Revalida? Sim? Então, você já sabe que é essencial se atentar sempre ao método de estudo, certo? É importante escolher aquele que seja completo, eficaz e objetivo, exatamente como o aprendizado por meio das resoluções de questões é!

Pensando nisso, o Estratégia MED criou duas plataformas que serão fundamentais na sua aprovação. Conheça agora no Banco de Questões do Estratégia MED e no Curso Extensivo para R1 e Revalida. Estude por milhares de questões e aulas exclusivas com EMED!

Se você curtiu essas informações, fique ligado no Blog do Estratégia MED, porque aqui você ficará por dentro de várias informações sobre as especialidades e, assim, conseguirá impulsionar ainda mais o seu aprendizado!

Curso Extensivo Residência Médica

Veja também:

Você pode gostar também