Residência Médica em Nutrologia: rotina, remuneração e mais!

Residência Médica em Nutrologia: rotina, remuneração e mais!

Você conhece a especialidade que estuda as questões alimentares das pessoas de forma abrangente? Confira a matéria de tudo sobre a nutrologia neste artigo que o Estratégia MED preparou para você!

O que é nutrologia?

A nutrologia é a especialidade médica que auxilia na estabilidade da saúde e na redução de risco de doenças nos pacientes por conta de alimentos. O tratamento pode ser feito por meio de medicamentos ou suplementos vitamínicos.

Segundo a Associação Brasileira de Nutrologia, a especialidade estuda, pesquisa e avalia os benefícios e malefícios causados pela ingestão dos nutrientes. Portanto, a nutrologia é uma das especialidades de maior impacto na saúde pública e o médico especializado nessa área é o nutrólogo.

Inscreva-se em nossa newsletter!

Receba notícias sobre residência médica e revalidação de diplomas, além de materiais de estudo gratuitos e informações relevantes do mundo da Medicina.

O que faz o especialista em nutrologia?

O médico com especialidade em nutrologia estuda os impactos dos nutrientes no corpo dos pacientes e identifica seus maus costumes e “erros” alimentares, para que assim haja uma melhora na qualidade de vida e saúde.

Vale lembrar que o nutrólogo acompanha uma mudança de hábitos alimentares do paciente e busca uma solução permanente para isso. Confira abaixo algumas funções desse profissional:

  • Realizar avaliação geral da alimentação do paciente e o orientar com hábitos mais saudáveis;
  • Diagnosticar, prevenir e tratar diabetes, desnutrição, obesidade e hipertensão arterial;
  • Acompanhar pacientes com bulimia e anorexia;
  • Acompanhar pacientes no pré e pós da cirurgia bariátrica;
  • Prescrever e solicitar exames laboratoriais; e
  • Tratar alergias e transtornos de compulsão alimentar, diabetes, intolerâncias à lactose e glicose, entre outros.

 Além disso, esse profissional pode acompanhar os pacientes em casos de:

  • Obesidade: avalia os exames do paciente e encaminhá-lo para outros médicos;
  • Anemia: diz os melhores tratamentos para os casos específicos
  • Dietas restritivas: orienta o paciente que, muitas vezes faz uma dieta radical, para o cuidado e uso de suplementos vitamínicos corretos; e
  • Doenças crônicas: dá apoio e acompanhamento com orientações corretas sobre as dietas.

Lembrando que o nutrólogo não prescreve dietas, apenas acompanha e auxilia o seu paciente! É o nutricionista o profissional responsável pela prescrição dos alimentos corretos.

Além de estarem em hospitais e clínicas especializadas, os nutrólogos também podem ser encontrados em:

  • Indústrias de alimentos: pesquisa soluções para enriquecer os materiais dos alimentos;
  • Nutrição esportiva: pode auxiliar os atletas em competições esportivas; e
  • Indústria farmacêutica: produz medicamentos que ajudam no tratamento de doenças ligadas à alimentação.

Equipe multiprofissional

Distúrbios de nutrientes estão relacionados com diversas áreas médicas e cirúrgicas, o nutrólogo, por sua vez, possui a função de fazer as ligações entre os problemas nutricionais, sintomas e doenças de outras áreas.

O nutrólogo não costuma trabalhar sozinho e necessita de uma equipe multidisciplinar com endocrinologistas, gastroenterologistas, cardiologistas e médicos esportivos.

Existe, por exemplo, a nutrologia geriátrica, cardíaca, neurológica, nutro dermatologia, nutrologia em ginecologia e obstetrícia e nutrologia em doenças infecto-parasitárias.

Associação Brasileira de Nutrologia (ABRAN)

A Associação Brasileira de Nutrologia (ABRAN) foi criada em 1973, o que mostra que, apesar de parecer uma nova especialidade, já existe há mais de 45 anos no Brasil.

A ABRAN foi fundada no Rio de Janeiro e tem o Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo (USP RP) como pioneiro na criação do Programa de Residência Médica.

A Associação promove projetos técnico-científicos junto com a indústria alimentícia e criou o Selo de Segurança e Qualidade ABRAN, que garante a formação e atualização dos nutrólogos associados, mostrando a importância da alimentação e nutrição no tratamento de doenças e da saúde.

Distribuição de especialistas em nutrologia no Brasil

De acordo com a Demografia Médica de 2020 feita pela USP, há, no Brasil, 1.771 médicos especializados em Nutrologia

A idade média dos oncologistas é de 54,7 anos. Os homens são a maioria, com 54,2%, enquanto as mulheres representam 45,8% de profissionais na especialidade.

Confira a distribuição dos nutrologistas entre as regiões do Brasil:

RegiõesDistribuição
Norte2,80%
Nordeste9,00%
Sudeste58,50%
Sul18,20%
Centro-Oeste11,50%

Segundo dados de abril 2021 da plataforma Salário, a média salarial de um Nutrólogo é de R$ 5.085,28, sendo 20 horas a sua média de trabalho semanal.

Esse valor pode mudar de acordo com as regiões do país, nível de especialização do médico e do quanto o local necessita do profissional.

Residência Médica em Nutrologia

Para ser nutrólogo são necessários, primeiramente, 2 anos de residência nas especialidades de Clínica Médica ou Cirurgia Geral, e, posteriormente, mais 2 anos em Nutrologia.

No site da ABRAN, são oferecidas informações sobre vários serviços credenciados para a especialidade.

A diferença começa nas formações acadêmicas, já que o nutrólogo é formado em medicina e tem especialização em nutrologia, e o nutricionista é formado em nutrição.

Os nutrólogos e nutricionistas podem trabalhar em conjunto. O médico especializado em nutrologia entende além da área de nutrição e possui uma visão abrangente da saúde de seu paciente. O nutricionista tem a formação adequada para colocar em prática as recomendações do nutrólogo.

Gostou do artigo? Para conferir mais textos sobre as especialidades da medicina, clique aqui e não deixe de visitar o blog do Estratégia MED, que prepara diversos textos para você, futuros residente médico!

Coruja VIP

Veja também:

Você pode gostar também