Prova Prática Revalida Inep 2021: o que levar no dia?
Médicos estrangeiros e brasileiros que se graduaram em outro país, fazem a segunda etapa da edição 2017 do Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos Expedidos por Instituições de Educação Superior Estrangeira (Revalida).

Prova Prática Revalida Inep 2021: o que levar no dia?

O EMED não para apenas nas revisões e estudos para a prova, mas também revela dicas de ouro para você prestar a Prova Prática Revalida Inep 2021 com a segurança típica de um aluno do Estratégia MED. Confira o texto, saiba o que levar no dia da prova e tenha as suas preocupações adicionais respondidas!

Prova Prática Revalida Inep 2021 

O Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos Expedidos por Instituição de Ensino Superior Estrangeira (Revalida) é a prova obrigatória para médicos que cursaram a graduação em outros países, mas que desejam exercer a profissão no Brasil. 

No próximo final de semana, nos dias 18 e 19 de dezembro de 2021, sábado e domingo, respectivamente, será realizada a Prova de Habilidades Clínicas do Revalida 2021, mais conhecida como a segunda e última etapa do exame. Trata-se de uma Prova Prática, composta por dez estações, duas para cada área abaixo:

  • Clínica Médica;
  • Cirurgia;
  • Ginecologia-Obstetrícia;
  • Pediatria; e
  • Medicina da Família e Comunidade.

Serão 5 estações no primeiro dia de prova (18) e mais cinco estações no dia 19 de dezembro. Cada estação tem o tempo máximo de 10 minutos e vale, no máximo, 10 pontos. A 2ª fase como um todo possui nota máxima de 100 pontos

Confira os horários para os dois dias de prova:

Portões1º dia de aplicação2º  dia de aplicação
Abertura dos portões(1º período)11h11h
Fechamento dos portões(1º período)12h12h
Saída da prova(1º período)A partir das 17hA partir da finalização da prova
Abertura dos portões(2º período)16h16h
Fechamento dos portões(2º período)17h17h
Saída da prova (2º período)A partir da finalização da provaA partir da finalização da prova

No total, foram disponibilizadas 7.280 vagas, distribuídas entre 22 cidades de aplicação. Participarão desta etapa os candidatos aprovados na 1ª etapa do Revalida 2021, que foi aplicada no dia 5 de setembro de 2021. Além disso, poderão participar os candidatos aprovados na 1ª fase do Revalida 2020, mas que não atingiram a pontuação mínima na 2ª etapa, que ocorreu nos dias 10 e 11 de julho de 2021.

O Revalida Inep é aplicado desde 2011. Confira a taxa de aprovação no exame ao longo dos anos:

EdiçãoInscritosAprovados1ª EtapaAprovados2ª EtapaPercentual de Aprovados*
2011536966512,1%
201278298989,8%
20131.5951551096,8%
20141.99984365232,6%
20153.9932.0091.63841,0%
20166.1622.3801.53124,8%
20177.3809633895,3%
202015.5802.4021.0877,0%
202113.7446.026
TOTAL51.77114.9725.54814,6%
* aprovados/inscritos. Fonte: INEP

Checklist para o dia da prova: esteja preparado! 

Acompanhe algumas dicas do Estratégia MED para não faltar nada na sua preparação para o grande dia da Prova Prática do Revalida INEP 2021.

1 – Atenção ao Protocolo de Prevenção à Covid-19

O protocolo já consta no edital da 2ª etapa desde o momento de sua publicação, porém foi reforçado em nota divulgada pelo Inep no dia 14 de dezembro. As medidas estabelecidas serão obrigatoriamente seguidas nos dois dias de aplicação do Exame.

O uso de máscara cobrindo nariz e boca será obrigatório enquanto o participante permanecer no local de prova. O Inep recomenda máscaras de uso profissional, ou seja,  na modalidade N95 ou PFF2. Para reforçar a proteção individual, é permitido – e recomendado – que o participante leve consigo pelo menos uma máscara reserva, caso haja necessidade de troca durante a aplicação, bem como garrafa de água individual e frasco com álcool 70%.

A máscara não poderá ser retirada, salvo momentos como identificação do candidato, alimentação ou ao beber água. De acordo com a Lei nº 14.019/2020, pessoas com transtorno do espectro autista, deficiência intelectual, deficiências sensoriais ou com demais deficiências que interfiram no uso adequado de máscara não estão obrigadas a usar a proteção facial.

Cuidado! Conforme o edital, salvo os casos particulares citados, o participante que não utilizar a máscara cobrindo totalmente o nariz e a boca, desde sua entrada até sua saída do local de provas, será eliminado do Exame.

Passaporte Vacinal 

O Passaporte Vacinal prevê a obrigatoriedade de apresentação do comprovante de vacina de todos os passageiros que desembarcarem em nos aeroportos brasileiros, bem como no ingresso de alguns eventos e locais, com o objetivo de minimizar a disseminação do vírus da Covid-19, especialmente, a cepa ômicron. 

Por conta dos ataques aos sistemas do Ministério da Saúde, ocorridos no dia 9 de dezembro de 2021, o governo federal adiou o início da aplicação da medida, já que os dados e comprovantes on-line de vacinação não podem ser acessados e permanecem parcialmente indisponíveis até o fechamento desta matéria. 

Como não há mais uma data prevista para o início da medida, candidatos da 2ª etapa do Revalida 2021 devem se preocupar, por ora, apenas com o protocolo estabelecido pelo Inep.

2 – Programe o transporte com cuidado

Um fator que vale sempre a pena se preocupar é o trânsito, especialmente porque a 2ª etapa do Revalida 2021 será aplicada em 22 cidades, a maioria capitais, ou seja, centros urbanos. Cabe um alerta especial para a cidade de São Paulo, que está sofrendo com fortes chuvas e alagamentos em vários pontos, sem contar o seu trânsito já esperado em dias normais. 

O próprio Inep recomenda que os participantes do exame compareçam ao local das provas com, pelo menos, uma hora de antecedência para evitar imprevistos. 

3 – Esteja vestido adequadamente

Para realizar o exame, o candidato precisa obrigatoriamente apresentar-se no local de aplicação da prova portando jaleco, preferencialmente na cor branca

O participante que comparecer ao local de aplicação das provas sem jaleco não poderá ingressar no prédio, porém pode aguardar fora do local de aplicação até que receba o item. Desta forma, poderá entrar caso receba o jaleco até o fechamento dos portões. 

Porém, vale o cuidado também com a vestimenta por baixo do jaleco. Alguns hospitais que sediarão a prova exigem uma vestimenta apropriada para a sua cultura organizacional. Um exemplo é o Hospital da Força Aérea, onde acontecerá a prova de São Paulo, que proíbe o uso de: 

  • Camisetas sem manga;
  • Regatas;
  • Bermudas;
  • Shorts;
  • Calções; 
  • Vestidos curtos;
  • Decotes;
  • Chinelos; e
  • Minissaias (saias podem ser usadas apenas com comprimento abaixo do joelho).

4 – A alimentação será necessária

Como a duração da prova nos dois dias é de mais de 6 horas, você precisará levar alimento e bebida, mas fique atento, estrategista, porque não será permitido entrar com nenhum alimento em recipiente opaco ou em embalagens com rótulos – ou armazenado em qualquer outro tipo de embalagem que não seja totalmente transparente. Você será vistoriado por um fiscal e caso se negue a apresentar seus pertences para a vistoria, correrá o risco de eliminação. 

Dicas e Opções 

  • Dê prioridade para embalagens transparente e fáceis de manusear, como ziplocs;
  • Leve garrafa d’água sem o rótulo;
  • Preze por alimentos mais leves, que possam te dar energia e de consumo rápido; e
  • Evite doces e refrigerantes, pois eles tendem a estimular sua fome.

5 – O que mais levar?

Já anote aí, revalidando, pois o Estratégia MED conta para você quais são os documentos de apresentação obrigatória nos dois dias de prova.

  • Declaração de comparecimento impressa;
  • Documentação de identificação oficial com foto, que podem ser:
    • Cédulas de Identidade expedidas por instituições, como secretarias de Segurança Pública, polícias Militar e Federal ou pelas Forças Armadas;
    • Identidade expedida pelo Ministério da Justiça para estrangeiros;
    • Carteira de Registro Nacional Migratório;
    • Documento Provisório de Registro Nacional Migratório;
    • Passaporte;
    • Carteira Nacional de Habilitação; e
    • Carteira de Trabalho e Previdência Social.

Além disso, antes de entrar na sala de espera, os candidatos devem guardar no envelope porta-objetos a Declaração de Comparecimento impressa, o celular e quaisquer outros equipamentos eletrônicos, assim como óculos escuros, itens de chapelaria, caneta de material transparente, lápis, borracha, livros, anotações, relógios etc.

E então, revalidando, anotou todos esses pontos que o Portal do Estratégia MED? Com todas essas dicas e avisos, você estará mais do que pronto para a Prova Prática Revalida Inep 2021!

Continue conferindo nosso portal para ter acesso a informações relevantes e em primeira mão! E não esqueça de conferir os cursos do EMED. Vem ser coruja!

Texto produzido com colaboração de Jocimara Rodrigues e Beatriz Testa

Você pode gostar também