Ciclo Cardíaco: o que é, fases e muito mais!

Ciclo Cardíaco: o que é, fases e muito mais!

Quer descobrir tudo sobre o ciclo cardíaco? O Estratégia MED separou para você as principais informações sobre o assunto. Acompanhe este texto e descubra!

Inscreva-se em nossa newsletter!

Receba notícias sobre residência médica e revalidação de diplomas, além de materiais de estudo gratuitos e informações relevantes do mundo da Medicina.

O que é ciclo cardíaco? 

O ciclo cardíaco é a somatória dos eventos de contração e relaxamento que ocorrem em decorrência dos estímulos elétricos nos miócitos cardíacos. Ele se inicia no final da sístole atrial e termina após um novo ciclo de contração e relaxamento atrioventricular.

Quais são as fases do ciclo cardíaco?

O ciclo cardíaco é formado por 6 fases no total, são elas:

  1. Contração isovolumétrica;
  2. Ejeção ventricular;
  3. Relaxamento isovolumétrico;
  4. Enchimento Rápido;
  5. Diástase; e
  6. Sístole atrial.

Como ocorre o ciclo cardíaco?

A contração isovolumétrica marca o início da sístole ventricular e vai até a abertura das valvas semilunares. Nesse período, o volume ventricular permanece constante — o que explica o seu nome. O início dessa fase coincide com o pico da onda R no eletrocardiograma e com o início da primeira bulha cardíaca. 

Na sequência da abertura das valvas semilunares, ocorre a ejeção ventricular, que se subdivide em duas fases, a ejeção rápida e a ejeção lenta

Durante a fase de ejeção rápida, há um aumento abrupto na pressão ventricular e aórtica, redução acentuada no volume ventricular e grande aumento no fluxo sanguíneo da aorta

Já a fase de ejeção lenta inicia-se após a curva de redução do volume ventricular diminuir de velocidade, um pouco antes do pico de pressão sistólica aórtica.  

A fase de ejeção ventricular termina com o fechamento das semilunares, dando início a fase de relaxamento isovolumétrico, caracterizada por rápida queda de pressão ventricular sem alteração de volume. Essa fase perdura até a abertura das valvas atrioventriculares (AV).

Assim que ocorre a abertura das valvas AV, inicia-se a fase de enchimento rápido. Dessa forma, o sangue que está nos átrios passa rapidamente para os ventrículos relaxados. Com isso, há reduções nas pressões atriais e ventriculares e aumento súbito do volume ventricular. 

Esse processo evolui para a diástase que equivale a uma fase de enchimento ventricular lento pelo sangue que vem das veias cavas e da veia pulmonar enquanto as valvas AV permanecem abertas. 

Por fim, a sístole atrial ocorre na sequência da onda P do eletrocardiograma e consiste em uma contração atrial que termina de encher os ventrículos de sangue. Ela promove um pequeno aumento das pressões atriais, ventriculares e venosas e do volume ventricular. Dessa maneira, chega ao fim o ciclo cardíaco.

Como podemos ver, é fundamental a compreensão das curvas de pressão e volume e as respectivas associações com os fenômenos do ciclo cardíaco e o traçado do eletrocardiograma. Por isso, para facilitar a compreensão, existe o diagrama de Wiggers que correlaciona todas essas variáveis e que está a seguir: 

Sístole e diástole

A sístole e a diástole ventriculares são compostas por uma soma de eventos do ciclo cardíaco, sendo que as fases de contração isovolumétrica e ejeção correspondem à contração ventricular, ou seja, à sístole. Enquanto, as fases de relaxamento isovolumétrico, enchimento rápido, diástase e sístole atrial, compõem o relaxamento ventricular, ou seja, a diástole. 

Gostou do conteúdo que o Estratégia MED trouxe? Então aproveite as oportunidades de estudo que preparamos para você! Se você tem o objetivo de ingressar em uma das residências mais concorridas do país, então o Curso Extensivo de Estratégia MED é o seu principal aliado. 

Com ele, você tem acesso a aulas voltadas para a residência médica, material completo e constantemente atualizado, faz diversas questões, monta seus próprios simulados e organiza seus estudos da forma que mais combina com você. Se interessou? Clique no banner abaixo e saiba mais. 

Curso Extensivo Residência Médica

Você também pode se interessar por:

Conheça nossos cursos

Você pode gostar também